Garimpeiro de 26 atletas, Kokan ajuda pedreiro tornar-se atleta e ganhar R$ 50 mil por mês

Paranavaiense de 53 anos, Aparecido de Adão Gonçalves de Souza (Kokan) pode considerar-se um garimpeiro no futebol, como técnico já descobriu 26 atletas, um deles é o ex-pedreiro David Ítalo que joga de volante e está faturando R$ 50.000,00 por mês, atuando na equipe FC Bravos do Maquis, do futebol angolano.

David Ítalo fazendo massa

David Ítalo Fernandes de Oliveira, 25 anos, é de Pereira Barreto/SP, quando chegou em Nova Esperança em 2012 era pedreiro, começou com Kokan na Escolinha do Projeto Nave/Santos. A cidade da equipe de David é Luena, ele está lá há um ano e renovou o contrato por mais dois devido seu bom futebol.

David Ítalo

A relação de descobertas de Kokan é extensa, os mais conhecidos atualmente são Miranda (Jiangsu Suning, da China, foi capitão do Brasil na Copa do Mundo), Danilo Avelar (Corinthians) e Marcos Túlio (FKMB de Mladá Boleslav, da República Tcheca), os demais são jovens promessas.

Paranavaiense Miranda foi um dos descobertos por Kokan

Como atleta Kokan começou no América/RJ, depois jogou no Novorizontino, Ituano, Nacional, São Caetano e Atlético Clube Paranavaí onde encerrou a carreira em 1987, tinha rompido o tendão de Aquiles.  

Danilo Avelar é de Paranavaí

O primeiro time que Kokan orientou foi o Paranavaí Atlético Clube em 1999, depois Projeto Nave/Nova Esperança, Prudentópolis, Cianorte, Verê, atualmente está na equipe Nação Esportes de Joinville/SC.

Marcos Túlio joga na República Tcheca

Campanhas do paranavaiense: 2018/19 na equipe Nação foi campeão do Sub-20, Sub-17 e Sub-15, terceiro lugar na Série C do Catarinense. No Verê 2015/16 – terceiro lugar no Paranaense da Série C e no Sub-17. No Projeto Nave 2013/14 foi vice-campeão Paranaense no Sub-17. Esteve no Cianorte em 2009/10.

Sensação de dever cumprido, nessa profissão a gente se torna um pouco “PAI” de todos esses atletas, você vira um espelho para eles, ´muito gratificante o reconhecimento que nos dão. Os que não seguiram no caminho da bola, se tornou um ser humano humilde e honrado”.

Disse Kokan
Concedendo entrevista a ESPN Brasil

Kokan está com a família em Paranavaí, já que devido a Covid-19 os treinos foram suspensos há mais de 90 dias. No seu retorno, ainda sem data definida à Joinville, a equipe Nação Esportes deve disputar a Série C do Campeonato Catarinense de Futebol.

Kokan com troféu conquistado em Joinville

Humildade é a simplicidade do guerreiro da vida. Não seja melhor que os outros, seja melhor para os outros”.

Aconselhou o técnico paranavaiense

Paranavaí 19/06/2020

Compartilhe: