Messi pode deixar o Barcelona em 2021

A crise no Barcelona é maior do que se imagina, e pode provocar o que todos os torcedores do clube temem, o fim da era Messi.

Ao menos é o que garante a rádio “Cadena SER”. De acordo com o veículo, o argentino paralisou as negociações para renovar o seu contrato e considera deixar a equipe ao fim do vínculo atual, que se encerra em junho de 2021.

A informação foi divulgada pela rádio e repercutida amplamente na imprensa espanhola e argentina. Segundo a “SER”, Messi disse a pessoas próximas no vestiário do Barça que não quer mais ser um problema para a equipe.

A rádio diz que o argentino estaria cansado do jogo político no clube e que ele tenha que assumir a responsabilidade de muitas dessas decisões. O Barcelona passará por eleições justamente em junho de 2021, quando acaba o vínculo atual do camisa 10.

O contrato de Messi, elaborado em 2017, previa que ele poderia deixar o Barcelona sem custos ao final da temporada 2019/20, mas teria que avisar a diretoria no final de maio. Ele não tomou tal atitude, e permanecerá, ao menos, até o meio de 2021.

GOLS – Menos de uma semana depois de completar 33 anos e 862 jogos depois, Lionel Messi tornou-se o segundo jogador em atividade a alcançar os 700 gols oficiais. Não é tão difícil adivinhar o outro autor de tal façanha que continua em campo: Cristiano Ronaldo.

O português atingiu a incrível marca das sete centenas de bolas na rede em outubro do ano passado, na derrota por 2 a 1 de Portugal para a Ucrânia. Tinha 34 anos. E 976 partidas disputadas. Ou seja: Messi precisou de 114 jogos a menos para marcar a mesma quantidade de gols.

Fonte – GloboEsporte.com

Fotos – Albert Gea/Reuters e Google

Paranavaí 03/07/2020

Compartilhe: