Márcio, “me deixar no banco será difícil, vão ter que correr muito”

O experiente volante Márcio Roberto de Souza, o atleta mais velho do elenco do Atlético Paranavaí, com 42 anos, disse como forma de motivação aos jovens atletas “me deixar no banco será difícil, vão ter que correr muito”.

Márcio não participou do treino de sábado, 12 de setembro, o primeiro no Estádio Waldemiro Wagner, pois tinha um compromisso. O técnico Rafael de Souza o dispensou.

Mas o “capita”, como é conhecido, por ter sido o capitão da conquista do ACP em 2007, esteve por alguns minutos no estádio e falou com o site avelaresportes.com.

Márcio com o técnico Rafael

Parei em 2015, estava jogando no Amador, já cheguei na casa do “enta”(quarenta), mas ainda estou com fôlego e vontade em ajudar, principalmente nosso querido Vermelhinho, foi o meu propósito junto ao técnico Rafael de Souza, pessoa boa que está se dedicando para resgatar o time, muitos jovens talentos de Paranavaí estão parados por falta de oportunidade, que está sendo dada agora”.

Disse Márcio

Márcio aceitou o convite dos novos investidores Jair e Leonardo, do técnico Rafael e do presidente Francisco Carneiro, para ajudar no resgate do Atlético Paranavaí.

Eu falo para estes jovens atletas nas resenhas, que o culpado de eu estar aqui são eles, porque muitos não querem nada com nada, já que estou aqui, vocês vão ter trabalhar muito para me deixar no banco, e vai ser difícil, se virem e corram em busca de seus sonhos, eu quero um lugar no time titular”.

Falou o experiente volante Márcio

Quanto ao time que parece competitivo no papel, Márcio falou que também o será dentro de campo, o desejo de retornar à Segundona é grande e de todos.

Minha história no ACP ainda não acabou, o fim está por vir, preciso da ajudar de vocês para dar continuidade e finalizar com chave de ouro, com o retorno do ACP. O único título que não tenho é o da Terceira Divisão, e quem sabe eu consiga a Tríplice Coroa (1ª, 2ª e 3ª Divisão)”.

Comentou Márcio Roberto

O atleta dirige em Paranavaí um centro de treinamento (GAP), com a liberação através do Decreto da Prefeitura e Vigilância Sanitária de Paranavaí, irá conversar com os pais dos atletas para o retorno aos treinos.

Que treinar em nossa casa é muito bom, onde cada um atleta tem a chance de conhecer seu palmo de campo, para que possa chegar nos jogos e levar vantagem. Fisicamente o elenco está bem, com os professores Elifas e Danilo. Finalizou Márcio.

Nesta segunda-feira, 14 de setembro, o ACP volta a treinar às 17 horas no Estádio Waldemiro Wagner, seguindo as orientações da Vigilância em Saúde, na prevenção ao Covid-19.

Paranavaí 14/09/2020

Compartilhe: