Rafael de Souza, único técnico a dirigir o São Lucas e agora o ACP

O paranavaiense Rafael Octaviano de Souza, 47 anos, secretário de Esportes de Paranavaí, deve assumir a direção técnica do Atlético Clube Paranavaí na disputa do Paranaense da Terceira Divisão, ele já dirigiu o São Lucas Futsal, sendo, portanto, o primeiro técnico com este curriculum.

Muitos técnicos já estiveram em Paranavaí, tanto para dirigir o Atlético Clube Paranavaí no Futebol, bem como o São Lucas no Futsal, mas nenhum esteve a frente das referências esportivas da cidade.

Seleção de Basquetebol 1987 em Nova Londrina

Fui para os Jogos da Juventude e Jogos Abertos do Paraná por Paranavaí no basquetebol (1987 e 1988), no futebol (1989) e futsal a partir de 1991, acho que sou o único a atuar em várias modalidades”.

Disse Rafael
No futebol em 1995 no Campeonato Varzeano, Boa Estrela

Ele começou no futsal em 1990 na equipe Ivo Pneus, de 1991 a 1999 integrou a Farmácia São Lucas. No futebol jogou na categoria Sub-20 do Atlético Clube Paranavaí (1989/1990).

2009 em Marechal Cândido Rondon, Seleção PR Adulta, reinauguração do Ginásio Ney Braga

Como técnico Rafael treinou o São Lucas (2000, 2001, início de 2002, 2003, 2009 e 2010). Foi também supervisor em 2006 e auxiliar técnico em 2014. Em 2013 dirigiu o time apenas em um jogo para ajudar a diretoria.

Depois Rafael esteve à frente das seguintes equipes: Café Futsal/Cianorte (2004/2005),

2013 pela Seleção de Paranavaí, Jogos da Juventude

Amafusa/Maringá (2005), Marreco Futsal/Francisco Beltrão (2008/2009), CAL Noroeste/Loanda (2016), Seleção Paranaense Adulta (2009), Seleção Paranaense Sub-20 (2010), em 2014 foi gerente de futebol do Atlético Paranavaí. Disse que foi várias vezes campeão de futsal.

Com Pelé e Paulo Gil, 1991, Jogos Abertos, Paranavaí foi vice

FATO INUSITADO

Subir o Marreco Futsal dois anos seguidos (2008 como campeão da Chave Prata e 2009 como vice-campeão da Prata), inédito subir o mesmo time dois anos consecutivos”.

Explicou Rafael de Souza
2008 no Marreco Futsal

O secretário e técnico do Atlético Paranavaí disse que vê com bons olhos o início da preparação do time para a Terceira Divisão. Acredita que o ACP passou por várias etapas durante a existência, foi campeão Paranaense em 2007, e hoje vive essa realidade, agora é iniciar do zero.

Referente a nova parceria feita pela diretoria acepeana com investidores de fora, ele respondeu.

Em amistoso em 2018

“Tenho estudado muitos modelos de gestão no futebol, existem equipes que são de natureza jurídica sem fins lucrativos e outras que são empresas. No Brasil existem os dois modelos com predominância para as associações. Essas fazem parcerias com empresas para a sua gestão ser profissional, o modelo que o ACP adotou nos últimos anos foi o ideal, as empresas (parceiras) é que não, exemplos de modelos similares acontecem com frequência, exemplo: Londrina, Barcelona e Real Madrid tem a mesma natureza jurídica que o ACP, então o modelo é bom, as realidades são diferentes”, falou Rafael.

O secretário e técnico afirmou que confia nos investidores, pois eles cumpriram até agora o que foi combinado.

Perguntado se tinha desejo em dirigir o Atlético Paranavaí, Rafael disse que sim, não tem projeto de vida ser treinador, que estuda futebol há muitos anos e que fez muitos cursos.

Orientando o ACP em 2018

“Tinha o sonho sim de ter essa experiência, mas acabei assumindo para ajudar. Já fiz muitas palestras sobre futebol, dei aulas em graduação e pós graduação sobre futebol, escrevi livro, participei de seminários, ou seja, há muito estudo e ensino futebol, achei que era o momento de sair da teoria e ir para a prática, parece que está dando certo, atletas tem me dado um feedback muito positivo sobre minha visão sobre o jogo”, explanou o secretário de Esportes de Paranavaí .

Rafael de Souza é Bacharel em ADM de Empresas (Unespar), Educação Física (Unespar), Pós Graduado em Treinamento Desportivo (UEM), Pós Graduado em Gestão de Pessoas (Unifatecie), Pós Graduado em Metodologia e Didática no Ensino Superior (Unifatecie), Mestre em Exercício Físico na Promoção da Saúde (Unopar), Doutor em Desempenho Esportivo (UFPR). Está cursando mais uma Pós em Gestão Pública do Esporte (UEPG), fazendo o Curso de Treinador da FPF Licença A e montando o projeto para o Pós Doutorado para UFPR.

Quanto a novo livro, já que ajudou na elaboração de um livro sobre o futsal de Paranavaí, com João Carlos Antunes, Rafael falou sobre o projeto.

Queremos escrever um livro sobre o ACP, porém preciso organizar minha vida, além de ser Secretário de Esportes sou Docente na Unifatecie na graduação, pós graduação e futuramente no Mestrado, que possivelmente irá se iniciar, tenho algum conteúdo já e estamos juntando outros, por ser docente no ensino superior tenho acesso a editora para publicar com custos menores”.

Finalizou Rafael
Prêmio Orgulho Paranaense do Esporte

Em 2015, Rafael recebeu o “Prêmio Orgulho Paranaense do Esporte”, categoria “Produção Literária” com o livro “Burnout em Atletas Jovens”, para ele a maior conquista.

Paranavaí 30/08/2020

Compartilhe: