Com gol nos acréscimos, “Uniflor é campeão” do Amador da Liga de Nova Esperança

Após vários anos disputando o 57º Campeonato Amador Regional de Futebol da Liga de Nova Esperança, o time Uniflor conquistou no domingo, 26 de junho, no Estádio Ananias de Castro Lima, pela primeira vez o título de campeão amador, ao vencer nos acréscimos por 1 a 0 o time de Presidente Castelo Branco.

Presidente Castelo Branco

Com um excelente público, avaliado em mais de mil pessoas, a festa foi completa com o gol de Edgar aos 46 minutos do segundo tempo, antecipando com a cabeça a bola em cobrança de falta feita por João Paulo. No jogo de ida em Presidente Castelo Branco houve empate em 1 a 1.

O jogo teve poucas chances de gols, com muito equilíbrio nas ações ofensivas.

Marcelo, Nilo, Juarez e Cezar

O árbitro com boa atuação, foi o experiente Nilo Neves S. Júnior, assistido por Marcelo de Oliveira e César Augusto Bosso, delegado Otávio César Landim.

Estavam presentes na final além dos torcedores, os prefeitos José Bassi (Uniflor) e João Martinati (Pres. Castelo Branco), os vices Luiz Ricardo Ornelas (Uniflor) e Gincarlos Schelive (Castelo), Dionilson Filho (escritório da Paraná Esporte/Maringá) e vários secretários e vereadores.

Luiz Ricardo, José Bassi, Dionilson, João Martinati e Gincarlos

O artilheiro com 7 gols foi Dalvan Felipe (Castelo), goleiro menos vazado Douglas Henrique (Castelo), atleta destaque Ewertinho (Uniflor).

Dalvan (artilheiro) e o prefeito João

Uniflor atuou em 9 jogos, teve 7 vitórias, 1 empate e uma derrota, marcou 23 e sofreu 8 gols, saldo de 15 gols.

Douglas (goleiro) e o prefeito Zé Bassi

O técnico Celso Custódio dos Anjos e auxiliar Gilberto Alves Cardoso utilizaram na final estes atletas: Felipe, Douglas, Natanael, Thiago de Freitas, Alan Henrique, João Paulo, Jean Carlos, Thiago Moreira, Ewertinho, Laércio, Rafael, Edgar, João Antônio, Leonardo, Lucas, Mário Sérgio e Thiago Bonetti. O massagista foi o José Nilson.

Atleta destaque Ewertinho, Dionilson (Paraná Esporte) e Zé Bassi

Castelo Branco: Douglas, Daniel, Diego, Marcelo Augusto, João Pedro, Jefferson, Vitor, Edielton, Dalvan, Eduardo, Guilherme, Vinícius, Maycon, Daniel, Guilherme Henrique, Vagner, Leandro, Victor Hugo, Lucas, Vagner Cândido, Cícero, Thiago e Hyago; técnico Ademir Vitor Souza, auxiliar William Malta, preparador físico João Vitor Faccim e massagista Marcelo Aparecido Souza.

Em duas oportunidades, Uniflor deixou escapar o título, primeiro para Paranacity e o outro para Nova Esperança.

Graças a Deus fomos campeões, um jogo difícil, os times jogando de igual para igual, jogo bastante disputado, palmo a palmo dentro do gramado, venceu o melhor. Nosso adversário veio muito bem montado e preparado. Nosso time também tem grandes qualidades. Final decidida no detalhe, graças a um gol no final quando já se preparavam para as cobranças de penalidades. Todos times estão de parabéns pelo futebol apresentado na final, onde todos tinham o mesmo objetivo. Quem ganhou foi o público que prestigiou a nossa conquista”.

Disse José Bassi, prefeito de Uniflor

O presidente da Liga de Nova Esperança, Juarez Rodrigues coordenou a programação da final em Uniflor.

Gol de Edgar

Já joguei Amador em Iguatemi e em Tuneiras do Oeste, mas ser campeão por sua cidade onde você vive, é inexplicável, saiu um peso da minha costa, foi a terceira final que disputo por Uniflor, e desta vez conseguimos e com gol meu.

Falou o atacante Edgar, 27 anos
Juarez entregou o troféu de campeão

Durante a tarde um show de prêmios foi realizado.

Eu já tinha sido campeão por outras Ligas de Futebol, mas esse título é que estava faltando, Uniflor nunca tinha sido campeão, desde o princípio fizemos um trabalho voltado para acertar, agora estamos colhendo os frutos. Muito feliz por ter sido campeão por minha cidade”.

Disse Ewertinho, o destaque do Amador
Time de Uniflor

Paranavaí 28 de junho de 2022

Compartilhe: